Porto do Capim por Deodato

O desenho acima foi doado para uso exclusivo do projeto da jornalista Edileide Vilaça. A arte é criação do quadrinhista, jornalista, radialista e roteirista Deodato Taumaturgo Borges (Campina Grande1934 — João Pessoa25 de agosto de 2014. Criador do personagem “Flama” nos idos de 1963. Surgido nas novelas de rádio, o personagem foi um dos primeiros a aparecer em revistas em quadrinhos publicadas no Nordeste brasileiro.

deoEm 1963, Deodato lançou a revista As aventuras do Flama, no formato 17,5 x 25 cm, 40 páginas em preto e branco e capa dura. Essa é uma das referências mais antigas dos quadrinhos da Paraíba. Antes de lançar essa edição, ele transmitia um programa de mesmo nome na Rádio Borborema, de Campina Grande, e dava brindes para os ouvintes, como cópias da revista do Flama, que inicialmente foi produzida justamente para presentear o público.

Para criar o personagem, Deodato inspirou-se em duas séries de quadrinhos: Jerônimo, o herói do Sertão, criado em 1953 por Moysés Weltman para a Rádio Nacional; e The Spirit, de Will Eisner.

Deodato Borges é pai do bem-sucedido artista Mike Deodato Jr., que há anos desenha para editoras norte-americanas e atualmente é contratado exclusivo da Marvel Comics. O pai foi quem lhe ensinou a desenhar e foi quem lhe apresentou primeiramente os trabalhos dos mestres Will Eisner, Burne Hogarth e outros.

 

deodato